terça-feira, 29 de novembro de 2011

Amor: DEUS é a referência...

DEUS é Amor. O Amor lhe é natural e exclusivo. Tudo nele é Amor. Ele é a referência do amor, ou seja, para entendermos o que é amor e como se ama, precisamos entender como DEUS amou.

→ O Amor de DEUS se manifestou essencialmente no sacrifício. Antes de criar todas as coisas o sacrifício de Jesus já era conhecido (1 Pedro 1:20).

→ Portanto, Amor é sacrifício, é entrega, é abnegação. É assim que se ama.

→ Quem diz amar não pode ser egoísta, não pode ser consumista, não pode sonegar dádivas. Somente ama quem busca o interesse do outro e, se precisar, abre mão do seu. Somente ama quem sacrifica algo para manifestar seu amor.

→ E a quem é amado resta a gratidão, pois nada do que é sacrificado pode ser restituído, pago, devolvido, apenas pode ser valorizado, honrado. A gratidão é a única forma de responder ao amor que se sacrifica.

→ Quem diz que ama, mas somente busca seus interesses, não sabe o que é amor. Quem aceita a opressão de ter consigo pessoas que se tornaram zumbis existenciais, dizendo que amam, mas vivendo apenas de sugar a energia vital de quem os cerca, não sabe ser amado. Somente quem ama como DEUS, ama de verdade.

“Quem ama é paciente e bondoso.
Quem ama não é ciumento, nem orgulhoso, nem vaidoso.
Quem ama não é grosseiro nem egoísta; não fica irritado, nem guarda mágoas.
Quem ama não fica alegre quando alguém faz uma coisa errada, mas se alegra quando alguém faz o que é certo.
Quem ama nunca desiste, porém suporta tudo com fé, esperança e paciência.” (1 Coríntios 13)


Deus Abençoe Galera...

Imagem: get floramar / Texto: Paulo Nulli

Nenhum comentário:

Postar um comentário